sexta-feira, 28 de março de 2008

Mobilizações contra mais um lixão na Anhangüera

Na resistência à instalação de mais um depósito de lixo na região da Anhangüera, mais de 400 pessoas participaram de uma assembléia no domingo 26 de março, no Centro Cultural Santa Fé, na Anhangüera.

O novo lixão é uma proposta da Sabesp para remanejar o lixo do rio Pinheiros. Se consolidada a idéia, o cultivo de mais de 80 famílias do MST na fazenda Itaya vai ser substituído pelos resíduos que poluem o rio Pinheiros.

Os lideres comunitários e as pastorais sociais protestam contra a idéia e argumentam que o lixo vai contaminar o solo e as nascentes de água, além de prejudicar a qualidade de vida e o desenvolvimento econômico e social da Região.

Duas manifestações contra a instalação do novo lixão acontecem em abril: no dia primeiro haverá uma caminhada, saindo da frente da rádio 9 de Julho até a Casa de Portugal, na avenida Liberdade.

No local, as sete da noite, haverá a manifestação “01 de Abril: Dia das Mentiras do Governo e da Verdade do Povo!”, com a presença de movimentos populares e do bispo de Barras dom Luiz Cáppio, que em 2007 realizou um jejum de 24 dias para protestar contra a transposição do rio São Francisco.

Já no dia 12, nova caminhada, a partir das nove da manhã em frente ao Centro Pastoral Santa Fé com destino ao local onde se pretende instalar o lixão. Na seqüência será realizado um ato ecumênico e um abarco simbólico da área.

Outros detalhes sobre a assembléia realizada na Anhangüera na reportagem de Juçara Terezinha, na edição de abril do Jornal Cantareira.

Confira fotos do evento no link fotos da região

quinta-feira, 20 de março de 2008

Nova oportunidade para estudos teológicos e pastorais

Em parceria com a Pontifícia Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, a Região Episcopal Brasilândia inaugura a Escola de Teologia e Pastoral, ETEP.

O foco principal da ETEP será o aprofundamento de estudos bíblicos e teológicos por parte dos líderes de pastorais e de movimentos da Região.

Os leigos interessados em participar dos cursos do ETEP precisam ter engajamento pastoral e frequentar, ou já ter frequentado, outras formações como Itebra, Escolas Paroquiais e CEBs.

Além disso, é preciso apresentar uma carta de apresentação do padre da paróquia na qual o leigo atue.

O primeiro encontro do ETEP será no dia 11 de abril, sexta-feira, às oito da noite.

No dia seis de abril, às três da tarde, acontecerá a aula inaugural da escola, na paróquia Santos Apóstolos, avenida Itaberaba, 3907, Jardim Maracanã.

Outras informações pelo telefone 3924-0020

sexta-feira, 14 de março de 2008

Oficina de jornal mural acontece em abril

Estudantes, agentes de pastoral e comunicadores populares estão convidados a participar da Oficina de Jornal Mural em 19 de abril na Cúria da Região Brasilândia.

A atividade promovida pela Pascom Brasilândia e o Vicariato das comunicações tem por objetivo contribuir para o melhor uso de jornais murais e quadros de avisos nas comunidades, movimentos e entidades.

O conteúdo da oficina propõe uma reflexão sobre os conceitos do jornalismo comunitário; objetivos do jornal mural e quadro de avisos; modos de organizar um jornal mural; periodicidade de atualização; preparação de pautas; produção de notícias, reportagens e entrevistas; e apuro com textos, ilustrações e fotos.

Os interessados em participar da Oficina de Jornal Mural devem fazer as inscrições até o dia 10 de abril pelo telefone 3924-0020, ou pelo e-mail pascombrasilandia@uol.com.br. Nas inscrições por e-mail, o interessado deve enviar seus dados através da ficha de inscrição.
Pede-se aos inscritos que contribuam com seis reais para gastos com lanche, certificado e apostila.

A Oficina de Jornal Mural será na Cúria Regional, dia 19 de abril, das 8h às 14h. O endereço é rua Rodrigues Blandy, 55, Vila Itaberaba.

sexta-feira, 7 de março de 2008

Defesa da vida contra a violência e a exclusão

Na região Brasilândia a abertura da Campanha da Fraternidade 2008 foi marcada pela caminhada de mais de duas mil pessoas desde a praça Cacique Double, na Vila Siqueira, até a Paróquia Bom Pastor, no Jardim Carumbé.

Homens, mulheres e crianças das comunidades caminharam em defesa da vida ao som de trio elétrico. Este ano só havia ladeiras no caminho, nada de morros a subir.

Para suportar o forte calor da tarde de domingo, água servida em canecas de garrafa PET pela comunidade São Benedito e pedaços de pão na igreja Nossa Senhora de Lourdes.

Em frente à paróquia Bom Pastor, no Jardim Carumbé, foi realizado o ato celebrativo com leitura da bíblia, cantos e testemunhais daqueles que atuam em defesa da vida na região.

Confira outros detalhes sobre a abertura da CF 2008 na Brasilândia, no Jornal Cantareira desse mês, na reportagem de Eduardo Souza.




Ocorreu um erro neste gadget

Acessos