sexta-feira, 30 de outubro de 2009

A expansão da “Blogosfera Brasilândia”

por Daniel Gomes, jornalista e moderador do Blog da Pascom

Uma pesquisa divulgada em junho deste ano, pela Blogger.com, detentora do domínio Blogspot, apontou que o Brasil já é o segundo país em quantidade de blogs no mundo: só perde, me números absolutos, para os Estados Unidos.

Essa recente ferramenta de comunicação via internet tem se mostrado uma excelente alternativa para a comunicação na igreja e nos movimentos sociais. Na Região Episcopal Brasilândia, o Blog da Pascom, lançado em 07 de março de 2008, e o Blog da Pastoral Afro (http://pastoralafrobrasilandia.blog.terra.com.br/), colocado ao ar no mesmo ano, foram os pioneiros nessa vertente de comunicação pastoral.

Na última semana, a Blogosfera – neologismo para o conjunto de blogs – da Região Brasilândia ganhou mais um integrante: o Blog das CEBs Brasilândia, criado e moderado pela estudante de jornalismo e integrante da Pascom, Karla Maria Souza.

Em http://cebsbrasilandia.blogspot.com/ o internauta encontra textos e entrevistas feitas pela comunicadora ao longo da caminhada pastoral que desenvolve junto às CEBs, além de outros artigos de aprofundamento. “No blog estão alguns textos do 12° Intereclesial, entrevistas com Sérgio Coutinho, assessor pela CNBB e Dom Angélico, bispo emérito de Blumenau, além de outras atividades das CEBs. Há também material do Dirceu Benincá, padre, doutorando em Ciências Sociais da PUC-SP, que acompanha e assessora as comunidades pelo Brasil e ainda do Jaime C. Patias, diretor da Revista Missões, mestre em comunicação”, destaca a moderadora.

A Blogosfera da Região Brasilândia também ainda mais um novo integrante: é o blog Juventude Santa Fé (http://juventudesantafe.blogspot.com/) mantido por estudantes do curso de comunicação digital do Centro Pastoral Santa Fé, localizado no bairro do Anhanguera. No espaço, os estudantes relatam experiências vividas em atividades internas e externas ao Centro Pastoral e divulgam o cronograma de atividades internas, além do calendário de vestibulares.

sábado, 24 de outubro de 2009

Pascom Brasilândia no Regional de Comunicação

A cidade de Barretos, a 470 km de São Paulo, recebe de 30 de outubro a 1° de novembro o 15° Encontro Regional de Comunicação, fórum de debate e partilha de experiências entre leigos e religiosos agentes da Pascom e profissionais de comunicação. O tema do encontro, “Os meios de Comunicação e a Segurança Pública”, servirá para aprofundamento da temática da CF 2009 sobre Segurança Pública.

A Pascom Brasilândia estará representada no evento pelo coordenador da equipe regional, Anderson Braz, pela comunicadora popular Aline Débora e pelo jornalista Daniel Gomes. Os representantes terão a missão de partilhar as conquistas e os desafios da comunicação na Brasilândia e participarão das articulações para eventos e ações arquidiocesanas, na busca de uma comunicação eficaz nas paróquias e comunidades.

O 15° Encontro Regional de Comunicação será promovido pelo setor de comunicação do CNBB Sul 1. As atividades acontecem na Casa de Maria, na Diocese da Barretos, e devem reunir mais de 100 pessoas de diversas cidades do estado de São Paulo na partilha de experiências e reflexões para a construção de uma cultura de paz por meio do uso dos meios de comunicação – rádios, tevês, jornais, informativos, sites e blogs.

A abertura do evento acontece na sexta-feira, 30, às 19h. No sábado, pela manhã, será realizada uma palestra sobre a segurança pública e os meios de comunicação. Na parte da tarde, haverá a partilha de experiências entre os participantes nos grupos de trabalhos das sub-regiões, seguida de plenária de apresentação. A parte da noite será destinada às atividades culturais, com visita ao Parque do Peão e degustação de comidas típicas. No domingo, pela manhã, haverá uma missa, e na sequência, será realizada a plenária final com as deliberações do encontro e a escolha da diocese que abrigará o evento em 2010.

O Blog da Pascom Brasilândia fará transmissões ao vivo (em tempo real) do 15° Encontro Regional de Comunicação. Acompanhe a palestra na manhã de sábado 31 de outubro, e as deliberações finais do evento no domingo, 1° de novembro, pela manhã. E sempre acesse o Blog, pois a qualquer momento serão realizados chats ao vivo com os participantes e as lideranças presentes no evento, o primeiro já na sexta-feira à noite.

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Eleições 2010: mudanças em quatro zonas eleitorais na Região Brasilândia

A Justiça Eleitoral de São Paulo iniciou em agosto remanejamento de eleitores das seções eleitorais com mais de 400 inscritos. O objetivo é evitar filas nas eleições 2010, quando haverá a votação para seis representantes públicos: deputados - estadual e federal, dois senadores, governador e presidente da república.

Nos locais de votação (escolas) onde será necessária a realocação, há uma faixa convocando os eleitores a comparecer às zonas eleitorais. Na Região Brasilândia, 67 escolas das zonas eleitorais de Pirituba (325ª), Brasilândia (376ª), Perus (389ª) e Jaraguá (403ª) terão mudanças nas seções.

O remanejamento será feito até 05 de maio de 2010 nas sedes das zonas eleitorais. Os eleitores que votam nas seções que passarão por mudanças devem comparecer à zona eleitoral na qual estão alocados, munidos com o original de um documento de identificação e o título de eleitor. Todo o procedimento é feito gratuitamente e quanto antes o eleitor comparecer, mais opções encontrará para novos locais de votação.

Publicamos a seguir, a relação das escolas das quatro zonas eleitorais da Região Brasilândia. O número das seções eleitorais nas quais os eleitores serão remanejados está entre parênteses. A lista completa está no site www.tre-sp.gov.br/remaneja Para outras informações ligue: (11) 2858-2100.

325ª Zona Eleitoral – Pirituba - 16 locais:
Colégio Padre Giordano (396, 405, 419, 433); Escolas Estaduais: Dr. Agenor Couto de Magalhães (33, 38, 40, 42 a 45, 352); Ermano Marchetti (58 a 65, 323, 334, 343, 354, 355, 361, 364, 371, 374); Prof. Alípio de Barros (154 a 162, 164 a 167); Prof. Cândido Gonçalves Gomide (137, 138, 140, 142 a 153); Prof. João Nogueira Lotufo (379, 380, 391, 414); Prof. Júlio César de Oliveira (20 a 36); Prof. Mariano de Oliveira (97, 103, 106, 107, 109); Prof. Raul Antônio Fragoso (66 a 72, 344, 363, 376); Escolas Municipais: Desembargador Sílvio Portugal (47 a 57); Imperatriz Leopoldina (169 a 179); Mário Kosel Filho (81 a 85, 88, 89, 91, 92, 345); Monteiro Lobato (119, 121, 122); Prof. Gabriel Prestes (125 a 136); Guiomar Cabral (436, 448, 453, 463); Prof. Eunice dos Santos (386, 389, 402).

376ª Zona Eleitoral – Brasilândia - 18 locais:
Escolas Estaduais: Clodomiro Carneiro (129, 132, 135); Crispim de Oliveira (505); Dep. Luiz Sérgio Claudino dos Santos (283, 290, 292, 296, 301, 306, 309, 313, 317, 322, 326); Dr. Augusto de Macedo Costa (142 a 151); Dr. Genésio de Almeida Moura (286, 298, 305, 311, 321); Dr. Ubaldo Costa Leite (228); Flaminio Favero (253, 254, 260, 263, 266, 271, 276, 277, 282, 289, 291, 297, 299); João Boemer Jardim (310, 312, 316, 320, 323, 325, 329); João Solimeo (1, 5, 12, 13, 17, 269, 273, 275, 281); Prof. Edgard Pimentel Rezende (54, 61, 63); Prof. Jair Toledo Xavier (279, 288, 295, 300, 307, 315, 324); Prof. Osmar Bastos Conceição (284, 302); Prof. Plínio Damasco Penna (217, 219 a 227, 255, 259, 274); Walfredo Arantes Caldas (122, 126); Escolas Municipais: Antônio Prudente (262, 270, 280, 293, 308); Desembargador Sebastião Nogueira de Lima (285, 294, 303, 304, 314); Prof° Joaninha Grassi Fagundes (154, 156, 158 a 163, 165 a 167); Theo Dutra (256 a 258, 261, 264, 267, 268, 278).

389ª Zona Eleitoral – Perus - 17 locais:
Escolas Estaduais: Brigadeiro Gavião Peixoto (125 a 149); Brigadeiro Eduardo Gomes (47 a 60); Dona Suzana de Campos (153 a 165); Elísio Teixeira Leite III (108,109); General Humberto de Souza Melo (1 a 8, 10 a 12, 14 a 21); Jacob Salvador Zveibil (72 a 85); Manuel Bandeira (230 a 239); Parque Anhanguera (214 a 218); Prof. Carlos Borba (61 a 69); Prof. Francisco Faria Neto (32 a 46); Prof. Salvador Ligabue (95 a 99); Prof. Sebastião de Oliveira Gusmão (241 a 247); Cândido Portinari (166 a 173); General Vicente de Paula Dale Coutinho (22 a 26, 28, 31); Escolas Municipais: Júlio de Oliveira (177 a 184); Paulo Prado (203 a 212); Prof. Jairo de Almeida (194).

403ª Zona Eleitoral – Jaraguá - 16 locais:
Colégio Miranda (18, 19); Colégio Vaccaro (57, 58); Escolas Estaduais: Ana Siqueira da Silva (68 a 77, 173); Friedrich Von Voith (114 a 121); Ítalo Betarello (81 a 88, 90); Ministro Oscar Dias Corrêa (161, 170, 176); Oscar Blóis (177); Prof. Leônidas Horta de Macedo (106 a 112); Prof. Otto de Barros Vidal (31 a 38); Prof° Isabel Vieira de Serpa e Paiva (59 a 66); Prof° Marilena Piumbato Chaparro (42, 43, 167); Prof° Zenaide Vilalva de Araújo (1 a 17); Escolas Municipais: Brigadeiro Henrique Raymundo Dyott Fontenelle (45 a 56); General Henrique Geisel (20 a 29); José Kauffmann (130, 131, 133, 134, 141, 146, 150, 174); Prof. Luiz David Sobrinho (94 a 101).

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

“Pós-batismo”: um desafio comum aos Setores

Os sete setores da Região Episcopal Brasilândia realizaram no sábado, 3, reuniões com a participação de lideranças das comunidades, padres, irmãs, diáconos que formam os conselhos setoriais de pastorais. Os assuntos comuns a todos os setores foram a avaliação dos mutirões bíblicos, encaminhamentos para a assembléia arquidiocesana, atividades do mês missionário e do dizimo e a realização do retiro dos jovens das CEBs.

No setor Nova Esperança, o assunto em destaque foi o batismo. Segundo os participantes, em quase todas as comunidades das quatro paróquias tem se verificado que após as crianças receberem o sacramento, muitas famílias não permanecem no cotidiano das comunidades. Diante dessa realidade, algumas equipes da pastoral, como a da paróquia Santa Rita de Cássia, Morro Grande, visitam as famílias após o batismo, mas poucas famílias retornam. A maioria das pessoas batiza os filhos para cumprir preceitos ou promessas.

Diante dessas dificuldades, houve questionamentos sobre as formas de evangelização. “O mundo evoluiu, as inovações tecnológicas estão aí e muitas vezes nossas equipes continuam com métodos de 45 anos atrás quando foi implantada esta ação”, lamentou o padre Ricardo Pieroni, da paróquia São Judas Tadeu.

Desafios com a caminhada na pastoral do batismo também foram partilhadas na reunião do setor Cântaros. Os participantes destacaram a necessidade de fortalecimento das equipes de preparação do batismo. “Oferecer a estas pessoas (agentes da pastoral) condições de acolher bem, dinamizar os encontros para sejam atraentes aos que procuram a Igreja, muitas vezes pela primeira vez”, apontou o padre Jorge Feltrin. Nas paróquias Santa Terezinha e São José Operário, a fragilidade das equipes, tem sido superada com a sensível melhora nos cursos de preparação dos pais e padrinhos e com a realização de batizados nas comunidades de origem dos pais.

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Mutirão Bíblico movimenta setores da Brasilândia

“Alegrai-vos no Senhor” (Fl4, 4). A passagem da carta de São Paulo aos Filipenses, tema do mês da bíblia em 2009, motivou diversas comunidades dos sete setores da Região Episcopal Brasilândia – Perus, Jaraguá, Pereira Barreto, Cântaros, Nova Esperança, São José Operário e Freguesia do Ó - a participarem do Mutirão Bíblico. Houve celebrações simultâneas, porém diversificadas em místicas e motivações, em cada setor. A equipe da Pascom Brasilândia acompanhou o Mutirão Bíblico 2009 em quatro dos sete setores.


Setor Jaraguá – por Anderson Braz

O Mutirão no Jaraguá foi realizado na paróquia São Luis Maria de Montfort, Jardim Rincão. As atividades começaram às 14h30 e seguiram até às 17h. Aproximadamente 600 pessoas, das quatro paróquias do Setor, incluindo os respectivos párocos e vigários, participaram da atividade. Chamou a atenção, a fala do padre Manzato, vigário da paróquia São Luis Maria de Montfort, que motivou as comunidades a serem missionárias e não desanimarem diante dos desafios cotidianos. Outro momento marcante se deu quando a paroquiana Célia, que esteve no Intereclesial da CEBS em Porto Velho (RO), transmitiu uma mensagem de alerta sobre o dever dos cristãos em preservar ambiente. Ela convocou os presentes ações concretas de solidariedade junto à comunidade indígena que vive nas proximidades do Pico do Jaraguá.


Setor Cântaros – por Juçara Terezinha

No Setor Cântaros, com muitos símbolos e animação, os participantes enfrentaram o calor da tarde de domingo para celebrar o encerramento do mês da bíblia. As comunidades iniciaram as atividades na Praça Tangurú e caminharam até a paróquia Santa Terezinha, Vila Terezinha. No local, o padre Edson Jorge Feltrin motivou as lideranças comunitárias e demais fiéis a se comprometerem com um projeto de esperança na Região. “O desafio é grande, mas é preciso continuar a caminhada, pois é a solidariedade que tem sustentado nossa esperança”, enfatizou.


Setor Nova Esperança – por Juçara Terezinha

No Setor Nova Esperança, crianças, jovens e lideranças das quatro paróquias setoriais assumiram como compromisso, a partir do Mutirão Bíblico, fortalecer a comunidade e os grupos de rua; preservar a natureza e agir com espírito ecológico; e valorizar a diversidade de dons. Ao final das atividades, realizadas no Centro Desportivo da Comunidade da Vila Miriam, quatro casais de idosos, um de cada paróquia, e os padres abençoaram a assembléia.


Setor Pereira Barreto – por Karla Maria Souza e padre Edemílson de Camargo

Na paróquia Nossa Senhora Aparecida, Vila Zatt, cerca de 600 pessoas estiveram presentes na celebração do Mutirão Bíblico. Entre os fiéis, lideranças das comunidades, pastorais e movimentos e jovens, que participaram dos atos celebrativos. Um dos momentos mais marcantes foi a entrada da bíblia ovacionada com uma grande salva de palmas dos presentes.


Clique aqui e veja fotos do Mutirão Bíblico 2009
Ocorreu um erro neste gadget

Acessos