quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Setores da Brasilândia finalizam atividades de 2012

Por Juçara Terezinha, Renata Moraes e padre Cilto José Rosembach, pela Pascom Brasilândia
(Edição: Daniel Gomes)
a
Os conselhos dos setores pastorais da Região Brasilândia reuniram-se no sábado, dia 1°, para avaliar a caminhada pastoral no ano de 2012, projetar ações e realizar confraternizações.
a
No Setor São José Operário, a reunião foi na Paróquia Nossa Senhora Aparecida, na Vila Sousa, coordenado pelo padre Antonio Leite. Daiane Zito, secretária da comissão executiva regional da JMJ, falou das articulações para a ida à jornada e a acolhida dos jovens estrangeiros na Semana Missionária. Ela destacou a urgência de que as paróquias entreguem à cúria a ficha das famílias acolhedoras.
a
Houve ainda avaliações sobre a realização da missa do Dia da Consciência Negra, em 20 de novembro, na Paróquia Santos Apóstolos, e da Caminhada pela Paz e Não Violência, no dia 25. “Tendo em vista que somos uma região com uma população afrodescendente bem significativa, a presença na missa foi baixa. Por isso, se faz necessário repensar nossa prática de combate ao racismo”, analisou o padre Antonio Leite. “Foi tão profético ver a região manifestar sua indignação contra a morte de pessoas inocentes das nossas comunidades”, falou sobre a caminhada.
a
Realizada na Comunidade Nossa Senhora da Alegria e São Paulo Apóstolo, na Vila Yara, a reunião do Setor Nova Esperança teve um momento de espiritualidade acerca do Advento, com base em um texto de Gregório Lutz, e os participantes avaliaram a realização da caminhada pela paz do dia 25. O padre Cilto José Rosembach, pároco da Santa Rita de Cássia, sugeriu que se for realizada novamente, que se faça também uma celebração ecumênica, para lembrar àqueles que foram mortos por atos violentos. 
a
No Setor Pereira Barreto, a reunião aconteceu na Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus, no Cantagalo. Foram apresentadas algumas atividades que já estão definidas para o calendário do próximo ano, como a reunião do clero do setor às quintas-feiras pela manhã, uma vez por mês; a abertura regional da Campanha da Fraternidade, em 17 de fevereiro; e a semana de confissões em preparação para a Páscoa, que será feita nas paróquias do setor entre 11 e 15 de março, sendo que a cada noite, cinco padres estarão em uma paróquia para atender os fiéis.
a
Padre Reinado Torres, coordenador do setor, destacou a importância da ampla participação das paróquias na Jornada Mundial da Juventude e na Semana Missionária, e pediu que se evite agendar reuniões durante essas atividades.
a
Em entrevista à Pascom Brasilândia, padre Reinaldo apontou que apesar da boa presença dos leigos em atividades como o Mutirão Bíblico, em outras ações houve pouca participação. O padre também lamentou a falta de comunicação entre as paróquias do setor. “Nós temos um conjunto de paróquias e não paróquias em conjunto”, avaliou, destacando ainda que é preciso investir na formação dos leigos, propor iniciativas e encontros, além de trabalhar mais a espiritualidade nos grupos e realizar encontros temáticos em cada pastoral.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Acessos