quinta-feira, 3 de abril de 2014

Conselho Regional de Pastoral realiza 1ª reunião do ano


Por Renata Moraes, pela Pascom Brasilândia
a
Na manhã do sábado, dia 22, as lideranças pastorais e os padres, juntamente com o bispo regional, dom Milton Kenan Júnior, reuniram-se na Paróquia Santos Apóstolos, no Jardim Maracanã, para o primeiro Conselho Regional de Pastoral (CRP) do ano.
a
Após a oração inicial, o bispo saudou os participantes e apresentou o novo coordenador regional de pastoral, padre Reinaldo Torres. Os sete setores pastorais que compõem a região estavam representados por suas lideranças e assessorias. Cada setor apresentou um resumo das atividades desenvolvidas nos primeiro bimestre.
a
O encontro regional de formação sobre a campanha da fraternidade, realizado em fevereiro, foi avaliado como positivo, com boa participação das lideranças. Porém, por tratar de um tema complexo e polêmico, apenas em uma manhã, foi pouco tempo, para tamanho conteúdo á ser partilhado. Assim como a abertura da CF-2014, em março, foi positiva principalmente pela quantidade de participantes, destacando a presença da juventude.
a
Dom Milton falou aos participantes sobre o aprofundamento do documento “Sugestões pastorais para a implementação da iniciação à vida cristã”, que foi apresentado como uma das urgências do 11º Plano de Pastoral. O Bispo fez referências às paróquias que já estão trabalhando o tema, e expressou que o subsídio deve ser objeto de estudo e reflexão nos grupos e pastorais de toda a Arquidiocese.
a
Também foi debatida a necessidade do planejamento pastoral de todos os setores e pastorais, que ajudarão a região a caminhar em sua totalidade. Ao final do encontro foi apresentada uma proposta de organizar uma comissão para a construção da escola de Fé e Política.
a
Em entrevista à Pascom Brasilândia, padre Reinaldo Torres, novo coordenador pastoral, falou deste primeiro encontro. “Surpreendeu-me o relato dos setores com tantas atividades e riqueza na sua organização, o CRP hoje se mostra aberto aos problemas pastorais e sociais que afetam diretamente a região”, encerrou.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Acessos