sexta-feira, 22 de julho de 2011

Dom Angélico festeja 52 anos de sacerdócio

Por Anderson Braz, pela Pascom Brasilândia

Junto a lideranças regionais e amigos, dom Angélico Sândalo Bernardino, bispo emérito de Blumenau (SC) e primeiro bispo da Região Brasilândia, festejou na noite do domingo, 17 de julho, 52 anos de sacerdócio, em missa por ele celebrada na Paróquia Santos Apóstolos, Setor São José Operário.

“Somos padres por dom de Deus, não por fé”, destacou dom Angélico no início da celebração, lembrando-se que na sua cidade natal, Saltinho, no interior de São Paulo, é tradição puxar as orelhas do aniversariante, e nessa menção, brincou com os padres concelebrantes, Antônio Leite Barbosa Júnior (Toninho), Alexandre e Alberto Abib Andery.

Na homilia, o bispo ressaltou a importância de valorizar o amor, o ‘eu te amo’, entre os casais, namorados e amigos, pois o amor está em baixa diante do consumismo, da pressa, do trabalho e do imediatismo. “A internet está consumindo nossos jovens, levando a uma cultura sem conteúdo e cada vez mais imediatista. Fiquemos atentos a esses novos desafios”, comentou, exortando que todos sejam semeadores de paz, alegria e esperança, diante da sensação de tristeza e catástrofes, divulgadas pelos meios de comunicação, “é neste campo que temos que semear”, motivou.

Após a comunhão e ação de graças, dom Angélico foi exaltado pelos fiéis por sua trajetória pastoral e de articulações sociais na região. O bispo foi presenteado com a camisa do clube de futebol que é torcedor e brincou: “Que São Jorge nos guarde”.

Por fim, agradeceu a todos, disse que se sente a vontade onde está, com pessoas que o ajudaram na caminhada sacerdotal, e que pretende junto destes ir até onde Deus permitir em seu sacerdócio, que foi iniciado em 12 de julho de 1959, quando foi ordenado na cidade de Ribeirão Preto.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Acessos