sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Há um ano ele é dom Milton

Por Daniel Gomes, pela Pascom Brasilândia

“Posso imaginar a luta que enfrenta a grande periferia da cidade de São Paulo para fazer do evangelho a força de Deus para salvar aqueles que o acolhem. Desde já, minha oração e afeto a todo o clero e povo da Arquidiocese de São Paulo. Vamos caminhar juntos inspirando-nos no testemunho daqueles que nos precederam no serviço do evangelho".

Com essas palavras, em 27 de dezembro de 2009, no ginásio Alberto Bottino, na cidade de Jaboticabal, a 370 km de São Paulo, o então monsenhor Milton Kenan Junior assumiu diante de mais de três mil pessoas sua ordenação episcopal para atuar na Arquidiocese de São Paulo, como bispo auxiliar na Região Brasilândia.

Há um ano ele é dom Milton, mas não se esqueceu que um dia foi o padre Milton em duas paróquias de Bebedouro e outras duas de Jaboticabal. O paulista interiorano de Taiúva, hoje com 47 anos, chegou à Região Brasilândia em fevereiro e aceitou praticamente todos os convites para celebrar em diversas comunidades e paróquias, das mais sofisticadas até as mais humildes da Região.

Coerente com sua história sacerdotal e em sintonia com um de seus inspiradores, dom Helder Câmara, dom Milton Kenan Junior tem se destacado na Arquidiocese de São Paulo nos trabalhos junto às pastorais sociais. Em novembro, por exemplo, foi representante episcopal no evento Natal dos Sonhos, voltado à arrecadação de brinquedos para menores carentes, e durante todo ano de 2010 se dispôs a conversar com os diversos movimentos da igreja e com as mobilizações sociais organizadas.

Dom Milton também tem se mostrado aberto ao diálogo com o clero regional. Em dezembro iniciou a primeira transição delicada de seu episcopado: a mudança de párocos em três igrejas. Os impactos que as alterações provocarão a partir do fim de janeiro de 2011 ainda são difíceis de mensurar, mas dom Milton fez sua função, embora para a maioria dos paroquianos, e também para os sacerdotes, esse processo de mudança esteja sendo uma experiência dolorosa, especialmente para os sacerdotes que souberam conduzir os fiéis com os carinhos e cuidados de um pai.

Dom Milton Kenan Junior, receba os parabéns da equipe da Pastoral da Comunicação da Região Brasilândia. Desejamos-lhe boa sorte para a sequência de atividades episcopais e reafirmamos nossa disponibilidade em auxiliá-lo no cotidiano informativo.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Acessos