quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Bispo da Brasilândia fala sobre 11º Plano de Pastoral

Por Daniel Gomes, pela Pascom Brasilândia
a
Na sexta-feira, 25 de janeiro, na Catedral da Sé, o cardeal dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo metropolitano, lançou o 11º Plano de Pastoral “Arquidiocese de São Paulo – testemunha de Jesus Cristo na Cidade” (2013-2016).
a
Na condição de bispo referencial do Secretariado Arquidiocesano de Pastoral, dom Milton Kenan Júnior, bispo auxiliar da Região Brasilândia, participou ativamente na redação do texto do 11º Plano. Nesta entrevista ao blog da Pascom, o bispo comenta o enfoque do plano e do projeto de evangelização feito para o mesmo período.  
a
Blog da Pascom – Dom Milton, em escritos e falas, o senhor tem apontado que a Igreja precisa sair de um estado de conservação para uma Igreja missionária. As propostas do 11º Plano contemplam essa mudança?
a
Dom Milton Kenan Júnior - O fio condutor do 11º Plano é justamente esse, a conversão missionária-pastoral, uma Igreja que sai da pastoral da conservação e se lança numa atitude de missão, de ir ao encontro, de buscar o que estão afastados, de ser sinal, de ser presença no mundo, presença de Cristo. Esse é o grande desafio hoje para todos nós, sobretudo a festa de São Paulo nos lembra disso, o nosso compromisso de sermos missionários.
a
Blog da Pascom – O plano é acompanhado de um projeto de evangelização e neste primeiro ano, no contexto do Ano da Fé, se enfoca o aspecto “A fé que professamos”, do Catecismo da Igreja Católica, e o documento conciliar ‘Lumen Gentium’. Por que da escolha desses enfoques para 2013?
a
Dom Milton - Essa primeira parte do Catecismo foi escolhida em razão do Ano da Fé e escolhemos também a constituição dogmática ‘Lumen Gentium’ porque nós pensamos que nestes próximos quatro anos, preparando-nos para a celebração do cinquentenário do encerramento do Concílio Vaticano 2º, que vai se dar em 2015, que nós possamos cada ano retomar uma das constituições do Concílio. A primeira delas, que nos dá o pano de fundo, que nos faz vislumbrar esse grande cenário que o Concílio descortina para nós, é a constituição ‘Lumen Gentium’, que nós agora tomamos como ponto de referência para nossa reflexão.
a
Blog da Pascom – O projeto de evangelização também lista urgências a serem trabalhadas a cada ano. Em 2013 serão três urgências. De que modo elas se entrelaçam?
a
Dom Milton – ‘A Igreja em estado permanente de missão’ perpassa todo o projeto, então durante os quatro anos, essa vai ser a nossa preocupação. Neste ano, destacamos ‘Igreja – comunidade de comunidades’, para sermos fiéis à reflexão da ‘Lumen Gentium’, que fala do mistério da Igreja, e ressaltamos a ‘Igreja na evangelização da juventude’, tendo em vista a realização da Jornada Mundial da Juventude, que ocorrerá este ano, então, os temas e as urgências se entrelaçam, favorecem uma ação conjunta e ao mesmo tempo coerente.
a
Blog da Pascom – Uma última questão: muito se falou na assembleia arquidiocesana de pastoral, em setembro de 2012, sobre a avaliação periódica do plano. Já está definido por quais etapas, ações, o 11º Plano será avaliado?
a
Dom Milton – No encaminhamento do 11º Plano, pensamos que será importante, uma vez agora lançado o plano, que cada organismo da Arquidiocese elabore o seu projeto pastoral. Os projetos nascem da realidade dos diversos organismos, mas também nascem da referência que o plano de pastoral nos dá.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Acessos